Buscar
  • lumencare

CADEIRAS PARA POSICIONAMENTO E MOBILIDADE DE PESSOAS COM PARALISIA CEREBRAL

Atualizado: Ago 12


Estudos têm nos levado a identificar uma tendência na prática da prescrição e desenvolvimento de projeto de cadeiras de posicionamento e mobilidade para pessoas com paralisia cerebral (PC). Observa-se uma crescente personalização dos equipamentos para atender demandas específicas de cada usuário, a partir d e um trabalho cuidadoso do terapeuta ocupacional, embasado nas questões apresentadas pela equipe multidisciplinar desse aluno. No processo de prescrição de uma cadeira de rodas para crianças com paralisia cerebral tem-se como primeira ação uma entrevista com o usuário e seus familiares e cuidadores para levantamento da história da criança ou jovem, protocolos para levantamento das necessidades do cliente, familiares, equipe de reabilitação e médicos neurologistas, ortopedistas, fisiatras e demais especialistas em PC.


Essa tendência confirma as observações e pesquisas da autora, que aponta na direção da unicidade de cada caso ou situação, demandando cada vez mais soluções particulares em detrimento das genéricas.


Essas ações têm como objetivo implementar a adequação da postura de pessoas com paralisia cerebral de forma individualizada, levando-se em consideração o protocolo de trabalho funcional que se estabelece a partir do levantamento das necessidades do cliente e familiares, da avaliação neuro-motora e funcional realizada na criança e o levantamento das necessidades diagnosticadas pelo terapeuta.


Nessa vertente, acentua-se a necessidade da atualização do profissional que atua nessa área, quanto às soluções e dispositivos já desenvolvidos no mercado nacional e internacional, para não correr o risco de enveredar por caminhos já percorridos por outros profissionais e “reinventar a roda”. Com essa atitude, deixa-se de utilizar a tecnologia (estruturas de cadeiras), já desenvolvida, e que, em muitos casos já apresentam estudos de confiabilidade, garantia de manutenção e reposição de peças, requisitos importantes na prescrição e na garantia da qualidade do produto, inclusive garantindo estruturas com certificação nos equipamentos a serem utilizados pelos indivíduos sob seus cuidados.


Existem muitos modelos de cadeiras e carrinhos para posicionamento e locomoção de pessoas com paralisia cerebral no mercado nacional e internacional. É importante que o interessado em adquirir saiba que existem três grandes sub grupos:


⦁ CADEIRAS PADRONIZADAS - importadas e de fabricação nacional – projetadas para atender a demandas de posicionamento e mobilidade de pessoas com paralisia cerebral. Algumas delas geralmente são padronizadas em tamanhos 36, 38, 40, 42 ... Mas mesmo assim, ainda podem passar por alterações para atender a demanda do usuário.


Cadeira Conforma tilt. Cadeira Prisma.


As cadeiras acima possuem capacidade de regulagem em tilt e alguns ajustes básicos. Porém não apresentam dispositivos para maiores personalizações para aqueles casos onde as crianças necessitam de equipamentos com ajustes personalizados.


⦁ CADEIRAS COM SISTEMAS POSTURAIS PERSONALIZÁVEIS - Essas são cadeiras desenvolvidas por fábricas que utilizam conhecimentos de adequação postural avançado e as desenvolve com diversos dispositivos, que apresentam amplas possibilidades de ajustes e alterações. As mesmas são desenvolvidas para que o terapeuta (especialista em seatting) possa estar permanentemente ajustando-a às necessidades do usuário. Esses ajustes se fazem em função das demandas do quadro clínico e das alterações físicas decorrentes do processo de crescimento do usuário.

Esses modelos de cadeiras foram introduzidos no Brasil pela Expansão Tecnologia Terapêutica Dinâmica, onde a terapeuta ocupacional da empresa, a partir de sua prática e estudos na área, trouxe os conceitos de adequação postural, estabilizadores verticais, andadores, facilitadores e posicionadores e órteses tubulares para as pessoas com limitações neuromotoras. A empresa desenvolve carrinhos e cadeiras de rodas considerando que cada usuário tem uma combinação de prioridades específicas, sejam elas pessoas com Paralisia Cerebral níveis leve, moderado e severo ou outras disfunções neuromotoras. Buscando mediar especificidades, funcionalidade e praticidade de ajustabilidade terapêutica eles criaram vários equipamentos personalizáveis:

Adaptação BuggyKids Postural Adaptação Ergoenvolvente


Os modelos acima possuem ajustes de crescimento e várias possibilidades de ajustes.


Essas cadeiras possuem diversos acessórios que permitem aos terapeutas personalizarem, se assim for necessário para atender a demanda do usuário.


Já no mercado nacional também existem outras com personalizáveis com um menor número de possibilidades de ajustes, mas que tem caminhado dentro dos conceitos de equipamentos posturais que possam ser melhor ajustados aos seus usuários.



Ortobrás Sunrise Medical

E temos uma vasta linha de produtos importados que podemos chamar de personalizáveis por apresentarem diversos ajustes de posicionamento e de crescimento.



Kimba Neo


⦁ CADEIRAS COM SISTEMAS POSTURAIS PERSONALIZADOS:

São aquelas onde o terapeuta após cuidadosa avaliação das condições do usuário, de suas necessidades e de sua família vai identificar uma boa base com boa dirigibilidade e desenvolve um projeto de sistema postural personalizado.


Esse sistema postural personalizado pode ser acoplado a estruturas padronizadas de cadeiras já existentes no mercado. Tais estruturas (padronizada) se apresentam como plataformas, onde serão adaptados os sistemas posturais personalizados. Esse sistema postural é um instrumento terapêutico que permitem uma adequação mais refinada no posicionamento do usuário. Os mesmos contam com almofadas de assento e encosto projetados para atender a demandas específicas de cada usuário. Além disso, o terapeuta pode utilizar cintos e faixas, bem como estabilizadores de cabeça, de tronco e de pé personalizados de acordo com as demandas do cliente.


É importante ressaltar que a cadeira de rodas personalizada não necessita de uma estrutura também personalizada na maioria dos casos.


Vejamos algumas possibilidades de cadeiras personalizadas que foram construídas em cima de estruturas pré-existentes no mercado e o sistema postural foi projetado para atender as demandas específicas do usuário.


Projetos desenvolvidos pelos terapeutas ocupacionais da Lumen Equipamentos Terapêuticos Ltda.


Para a criança da cadeira com tecido rosa, foram colocados cestos para encaixe de equipamentos respiratórios já que a usuária é dependente de um respirador. Uma das estruturas tem apenas o sistema tilt e a outra tem o sistema tilt e também o sistema recliner de encosto. A escolha da estrutura com esses recursos vai fazer toda a diferença para atender a demanda de cada usuário.


Constata-se que desde a publicação do artigo original em 2008, muitas novidades apareceram e buscamos ao revisitar o artigo, confirmar a tendência relatada pela autora na época e as melhorias nos equipamentos e novas possibilidades que se descortinam com a importação de produtos e com a evolução constante dos produtos nacionais.


Texto escrito por: Nivânia Maria de Melo Reis, terapeuta ocupacional, mestre em educação, doutoranda em educação pela PUC minas.


Fonte: Pôster apresentado no IV Congresso da Sociedade Inclusiva, PUC Minas, 2008.


Referências:


BERGEN, A. F. Positioning and function. Weelchairs and other assistive technologies. Valhala rehabilitation Publication, Ltda. Valhala, NY 10595


CAVALCANTI, A.; GALVÃO, C.; CAMPOS, M. A. A. D. Cadeira de Rodas e Sistemas de Adequação Postural. In: CAVALCANTI, A.; GALVÃO, C. Terapia Ocupacional: Fundamentação e prática. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2007. p. 451-461.


SMITH, Roger. O Papel Da Terapia Ocupacional No Modelo De Tecnologia Do Desenvolvimento. Department TO – Universidade Wisconsin – Milwaukee. AJOT – Fev. 2000


REIS, N. M. M. A Tecnologia Assistiva na Paralisia Cerebral. In: LIMA, C. L. A.; FONSECA, L. F. Paralisia Cerebral: Neurologia-Ortopedia-Reabilitação. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2004. p. 431-446TEIXEIRA, E; Sauron F.N; SANTOS


LSB; OLIVEIRA, M.C. Terapia Ocupacional na reabilitação física - São Paulo, Editora ROCA Ltda. - 2003


ZOLLARS, J. A., KNEZEVICH P.T. - Adequação Postural Sentado” : um guia ilustrado..Otto Bock REHA, editores.


Escrito por:

Nivânia Maria de Melo Reis

Terapeuta Ocupacional, Mestre em educação pela FAE UFMG, consultora em acessibilidade, inclusão e tecnologia assistiva



2 visualizações

Noticias, novidades, atualizações, tudo sobre tecnologia assistiva no Brasil e no mundo.

Lumen Equipamentos Terapeuticos

CNPJ: 231.315/0001-40

  • Branca Ícone Instagram
  • LinkedIn
  • Branco Facebook Ícone
  • YouTube

CONTATO E LOCALIZAÇÃO

Atendimento ao cliente

Terapeutas Ocupacionais

(31) 9 8799 7680

(31) 9 8799 7678

R. Ituiutaba, 254 - Prado, Belo Horizonte - MG, 30411-023

Lumen.care © 2021 | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Óculo Studio